[INFOGRÁFICO] Arame para cerca: veja qual o modelo indicado para cada tipo de terreno

Você sabia que escolher um bom arame para cerca pode fazer a diferença na produção de sua fazenda? O cercamento de gado — seja de corte, seja de leite —, por exemplo, requer um tipo específico de material, ao passo que outras criações e/ou culturas também têm suas exigências.

Pensando na grande importância desse tema para os produtores do agronegócio, preparamos este texto. Durante a leitura, você compreenderá como fazer uma escolha acertada de acordo com o tipo de terreno da sua propriedade. Aproveite o conteúdo!

Por que dar atenção à correta instalação e à qualidade do arame?

Para explicar a importância da escolha do arame ideal, nada melhor do que conversar com quem entende muito do assunto, não é mesmo? Por isso, entrevistamos César de Oliveira, analista de mercado agropecuário da Belgo Bekaert — empresa com mais de 50 anos de experiência nesse setor.

Segundo o especialista, a primeira coisa a ser analisada é a topografia da fazenda. Afinal, se você vai fazer uma cerca de arame liso, o ideal é que ela seja construída em um terreno plano, sem muitos acidentes topográficos. Isso porque esse arame é mais esticado e requer um sistema complexo e forte para aguentar a tensão maior.

Além de ajudar na produtividade — uma estrutura de confinamento ou uma divisa de propriedade demandam materiais característicos —, a instalação correta evita que você lide com gastos desnecessários.

Entre as principais consequências negativas de errar nesse procedimento, o custo tende a ser a mais impactante. “Quem quiser fazer uma cerca de arame liso com topografia acidentada, vai gastar muito mais do que se fizer uma cerca de arame farpado. Outra coisa é a utilidade da cerca. De nada adianta fazer uma que não sirva para a finalidade desejada”, explica Oliveira.

Se o foco de sua propriedade é a produção pecuária, também é preciso ter atenção à segurança. Caso uma cerca localizada na beira de estrada se arrebente e algum animal fuja, podem acontecer acidentes na pista — e não é isso que você quer, certo? A capacidade de resistência do material escolhido também deve ser previamente analisada.

Lembre-se de que arames de má qualidade também podem originar gastos maiores com manutenção: a vida útil da cerca pode diminuir bastante, sendo que um dos maiores custos do cercamento é a mão de obra. Com materiais precários, a frequência de manutenções tende a ser maior e, consequentemente, mais cara. Se você precisa de suporte para a instalação, não deixe de conferir um bom manual de aplicação de arames na pecuária.

Como escolher o arame para cerca ideal de acordo com o terreno?

modelo de arame

Como especificou o analista, a escolha do arame pode ser feita de acordo com diversos critérios. Explicaremos, logo abaixo, como tomar essa decisão da melhor forma. Confira!

Topografia plana

A topografia plana nada mais é do que um terreno não acidentado. “O arame mais indicado para esse ambiente é o liso, por questão de economia, porque com ele se consegue uma distância maior entre uma lasca e outra e isso faz com que o custo da cerca seja menor”, aponta Oliveira.

Para obter um resultado de excelência na instalação, você pode recorrer ao modelo Z-700, fazendo uso de distanciador — também conhecido como balancim — a cada dois metros. O Belgo AçoFix pode ajudar muito nessa tarefa.

Terreno levemente ondulado ou regular

De acordo com Oliveira, essa escolha depende bastante das preferências do produtor. É possível, inclusive, mesclar os dois materiais — farpado e liso. Se a declividade for constante, o liso é mais indicado. Em contrapartida, caso seja muito irregular, o farpado tende a ser uma melhor opção.

Terreno ondulado ou irregular

“É melhor optar pelo farpado. Até é possível fazer com o liso, mas se gasta muito mais: em vez de baratear a cerca, vai encarecê-la e dar mais trabalho”, pontua o analista.

Oliveira vai adiante e indica o farpado para regiões de beira de rio ou de APP (Área de Preservação Permanente). Nesses locais, ele é melhor porque permite acompanhar as curvas e mudanças no terreno, algo que é mais difícil de se fazer com o liso.

Qual é o melhor arame para cerca?

Comentaremos, a seguir, alguns dos principais tipos de arame disponíveis no mercado. Leia até o final para saber qual é a melhor forma de aplicá-los e as características de cada um!

Arame liso

O arame liso é uma ótima escolha para a criação de bovinos e para a divisa de propriedades. Para ser utilizado em locais com bastante umidade, o recomendado é contar com um modelo triplamente galvanizado. Isso aumenta significativamente a vida útil da cerca. A resistência depende bastante do animal que está sendo cercado, mas, em geral, recomenda-se 700kg.

Arame farpado

A galvanização e a resistência também são aspectos relevantes na hora de escolher um arame farpado. A espessura e a forma de torção também merecem bastante atenção. Eles são recomendados para as mesmas criações relacionadas ao arame liso, com exceção dos ovinos, avestruzes e equinos.

Existem ótimas alternativas nesse sentido. O Belgo Motto, por exemplo, tem carga de ruptura de 350kgf, torção alternada, tripla galvanização, 500m e é mais leve, por ser fino: 1,6mm e pesa cerca de 21kg. O Belgo Fortte, por sua vez, tem 2mm, torção alternada e pesa algo em torno de 27Kg, com 400m de comprimento.

Arame para cerca elétrica

Para montar uma boa cerca elétrica, é fundamental optar por um material com tripla galvanização, tendo em vista que a ferrugem é má condutora. O Eletrix é um modelo com ótima resistência, que resolve muito bem essa necessidade. O ZZ-700 Bezinal também é uma excelente escolha, já que é feito com tripla galvanização de 5% de alumínio, que conduz melhor a eletricidade.

Criação de bovinos

O Cordaço é fortemente indicado para o curral, lugar onde se realizam atividades de manejo do gado, como vacinar, dar vermífugo, pesar e outros tipos de manutenção. É perfeito para quem trabalha com confinamento e semiconfinamento. Ainda nesse contexto, o Remanga é uma boa alternativa para manejar antes de levar ao curral.

Enfim, escolher arame para cerca exige uma boa análise de seus objetivos e da sua propriedade. Com essas dicas, você pode caprichar na escolha e aumentar a rentabilidade de sua produção.

Se você gostou do texto e precisa de ajuda para montar ótimas cercas, entre em contato conosco — nós podemos ajudar!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.